Qual seu número - Karyn Bosnak

Título: Qual seu numero?
Autor(a): Karyn Bosnak
Editora: Novo Conceito
Páginas: 414
Classificação: 4. (Muito bom)
Qual número, exatamente, é considerado alto para uma mulher da minha idade? Bem, é difícil dizer, porque as pessoas raramente são sinceras a respeito dos seus números. E isso não é nenhum segredo. (...) Eu admito: sou tão culpada quanto qualquer pessoa quando o assunto é manipular o número. Inclusive, meu número muda, dependendo da pessoa com quem estou conversando."

Delilah Darling é uma mulher de quase trinta anos que acredita não ter nada, nenhuma empresa própria ou emprego, nenhum loft ou condição de pagar o aluguel, nem marido ou mesmo um namorado. O que Delilah tem é uma lista relativamente grande de caras com quem dormiu e uma preocupação latente em não se tornar uma daquelas senhoras sozinhas de 60 anos que já dormiram com 78 caras.

"Meu nome é Delilah Darling. Tenho 29 anos. Sou solteira, e, bem... sou uma mulher fácil." 

Bom, não realmente, mas esse é o rótulo que ela escolhe atribuir a si mesma  ao descobrir que a lista de homens com quem dormiu é praticamente o dobro da média aceita para sua idade. Tentando não desperdiçar o que pensa ser sua ultima chance de se casar, ela parte em uma jornada em busca de seus 19 últimos amantes.

"Tony Robbins diz que o que separa o bom do ótimo é a capacidade de agir. É isso que eu decido fazer – agir! Vou entrar em um carro e encontrar esses homens, um por um. (...) Daniel disse que não havia uma solução para o meu problema, mas, por Deus, é claro que há. E ele me diz que eu preciso de Jesus – quem ele pensa que é? Eu não preciso de Jesus. Eu preciso do Google."

E é aí que entra seu incrivelmente charmoso vizinho, Colin Brody, um irlandês aspirante a ator nascido numa família de investigadores. Munida de toda informação que conseguiu reunir – endereço, telefone, orientação sexual - e  a ajuda dele, Delilah inicia sua road-trip pelos Estados Unidos.

O livro é narrado em primeira pessoa, pela Delilah, uma protagonista doce, extremamente engraçada e impulsiva. É muito bom variar das personagens reclamonas, covardes ou sonsas, com uma bem humorada. Colin foi um personagem que conquistou meu apreço desde o início, gentil, despretensioso e principalmente por que, nas palavras de Del “Tem uma aparencia um pouco desleixada, meio parecido com Johnny Depp quando era mais novo.” Oh dear God, Johnny freaking Depp, how charming is that? Temos também Daisy, a irmã caçula prestes a se casar; Michelle, a melhor amiga/ex-colega de trabalho; o avô, um senhor muito sábio que quer curtir a vida e a mulherada; a mãe de Delilah, mulher preocupada com a solteirice da filha e Eva, a yorkshire mais adorável do mundo. 

A diagramação que a Novo Conceito preparou é incrível, eu gostei bastante. Cada capitulo é uma nova rota e contém um pequeno mapa e o numero do cara seguinte. Algumas páginas são com recados do correio eletrônico de Delilah, com desenhinhos de telefone e tudo o mais. Tem também pequenas listas que a protagonista prepara ilustradas de maneira bem legal.

Acho que a palavra para descrever Qual seu número? é: gostoso. Eu sei que isso soa meio bizarro, mas é super engraçado, cheio de quotes hilárias e, apesar de ser um livro grosso, não é nada cansativo. É sempre uma delicia ler um livro na qual o enredo é bem construído e as coisas não ocorrem de maneira abrupta, tudo é bem desenvolvido. Não se espera que um chick-lit traga uma mensagem, mas eu gostei da ideia que Qual seu número? passa. Inclusive, vou terminar a resenha com a dedicatória encontrada no livro:

"Para todas as pessoas que já tiveram que repensar ou criticar uma decisão tomada anteriormente. Nosso passado nos transforma em quem somos hoje. Não se arrependa."

22 comentários:

Glaucea Vaccari disse... [Responder comentário]

Esse livro parece ser muito divertido.
Vi o trailer e fiquei morrendo de vontade de ler, principalmente porque quero ler antes de ver o filme.
E eu adoro personagens engraçadas.
Adorei a dedicatória que vc colocou no final *-*
Bjo

Zilda Mara Peixoto disse... [Responder comentário]

Já li algumas resenhas sobre esse livro e todas citam que ele é muito leve e engraçado.A princípio eu não queria lê-lo,mas essa resenha me passou muita confiança de que ele é realmente tudo isso que estão falando.
Bjs!

Zilda Mara
Cachola Literária

ka macedo disse... [Responder comentário]

Aii, que resenha maravilhosa Luana!
Antes de ler eu já estava com muita vontade de ler esse livro, mas agora? Agora eu estou completamente louca para lê-lo!
Adoreii o segundo quote. Na verdade, quase todos os quotes desse livro me fazem rir muuuito, hahah.
O QUE? JOHNNY DEPP? :OO E ele ainda é Irlandês.
How charming is that? (2)
Quero um desse também, por favor. Onde eu o consigo?
Acho que vou acabar passando esse na frente de alguns outros, estou precisando de alguma coisa engraçada assim. E o engraçado é que eu nem gosto de chick-lits. Bom, só espero que não me decepcione com esse :)

Beijooos!

A Leitora disse... [Responder comentário]

To louca para ler este livro, está todo mundo comentando super bem dele!
A Novo Conceito sempre arrasando nos livros! Ótima resenha, parabéns.
Beijokas enormes
Brih
Meu Livro Rosa Pink
http://meulivrorosa.blogspot.com

Bruno M disse... [Responder comentário]

Estou com ele para ler mas ainda não tive tempo D: Achei a diagramação ótima, só de dar uma olhada no livro tu já sente a energia, isuahusia.

Julie Neves disse... [Responder comentário]

Ai, eu nunca tinha me interessado realmente para ler esse livro. O primeiro contato que eu tive com ele foi quando o Skoob estava com aquelas propagandas e tal, mas mesmo assim não me interessava.
Acho que lendo a sua resenha é que eu fiquei interessada pela primeira vez, parece ser um livro bem leve, bom pra passar o tempo. *-*

Xxx,
Julie
www.booksjournal.org

Pabline disse... [Responder comentário]

Amo uma personagem descontraída, e depois de vc falar que no livro ele lembra Johnny Depp só que mais novo, pronto, já me apaixonei perdidamente por ele. Sou louca alucinada por Johnny Depp.
Agora vc me deixou super curiosa para ler esse livro, como é bom saber que apesar de ser groso não é cansativo. Tô precisando me divertir com um livro, ultimamente minhas leituras estão muito serias. Há coisa melhor que rir com um livro em mãos?
Parabéns pela resenha, ela me deu uma vontade de sair correndo e ir comprar esse livro XD

BJ!

-Amigas Entre Livros-

Milena disse... [Responder comentário]

Recebi ele ontem! estou louca para ler... ele é enorme né? e agora com a sua resenha fiquei mais animada ainda para ler... *-*

Francielle Couto disse... [Responder comentário]

Olá! :D

Bem, não sou muito fã de chick-lit, e quando olhei para esse livro, nem se quer quis ler a sinópse (isso há umas semanas atrás). Puro preconceito, já que não sou muito fã de livros com poster’s de filmes. :~ Contudo, não demorou muito para que eu precisasse lhe dar com as resenhas do mesmo nos blogs afora, já que estamos tratando de um lançamento. Esta, por sua vez, é a terçeira resenha crítica que leio com atenção, e vejo o quanto fui boba em ignorar uma obra que parece ser, como você mesma disse, super gostosa. Acho bacana mesclar leituras, e essa parece ser divertida, bem engraçada e relaxante. Então, acredito que vale a pena. :D

Adoreiii!!!

Um abraço!
http://universoliterario.blogspot.com/

PamFardin disse... [Responder comentário]

Ai meu deus do céu... Eu tenho que ler esse livro e ver o filme... Vi na saraiva que ele é bastante grandinho, e fico mais curiosa ainda por ver que ainda por cima tem uma mensagem *--*
Chris Evans, seu fofo kkkkk'
Sobre Crepúsculo, sempre achei que era modinha pura, sendo os "atores lindões" mais importantes que a história, por isso não tinha lido ainda... Mais depois de ler, eu vi que tinha enredo, e o que resta é só não dar ouvidos ao que os outros falam, mesmo quando você está com o amanhecer na mão na escola e vem uma patty e fala: 'O Taylor Lautner é um gaaaato néah...' kkkkkk'
Enfim, não tenho mais preconceito com os vampiros.. rsrs'

Beijão!
aritmeticadasletras.blogspot.com

Jovens Leitoras disse... [Responder comentário]

Tô bem curiosa em relação a esse livro! Só vejo gente falando super bem e acho que deve ser muito engraçado!

Beijos.

Danniele disse... [Responder comentário]

Eu li esse livro, Lua! E tenho que postar a resenha dele no blog em breve... Vai ter promoção \o/
Mas meu Deus eu dei tanta risada com as situações vividas por Delilah OAKOSALPS E o mumpeteiro? Sério eu nunca tinha ouvido esse nome e quando li eu ri tanto e nem sei porque rsrs
Amei sua resenha viu? Como sempre ♥

Beijos :*

Leitura entre amigas disse... [Responder comentário]

Parece ser um livro super engraçado, sua resenha ficou ótima Luana! Você falando da diagramação e de quanto ele é gostoso de ler, me deixou super curiosa, quero muito lê-lo! E assisti ao filme também! rsrs
Beijos!

Elidiane - Leitura entre amigas

Eduarda Menezes disse... [Responder comentário]

Lu, amei a sua resenha!
Comprei esse livro mas ainda não o li, apenas vi o filme e amei! Já ouvi dizer que o livro é muito melhor e pelos comentários e resenhas que li, não tenho dúvidas em relação a isso!

Adorei o comment sobre o Johnny Depp! kkk realmente muito eficaz por parte da personagem para dar um impulso à nossa imaginação!

Eu também gostei da ideia que esse chicklit, aparentemente despretensioso, consegue passar!

Beijão

Nathalia disse... [Responder comentário]

Adorei sua resenha! Eu vi o trailer do filme e logo depois fiquei morrendo de vontade de ler o livro! Parece ser super gostoso e leve de ler, além de engraçado!

Bjs, @nathaliaduarte
www.mentalmorfose.com

Sofia disse... [Responder comentário]

Own... Não sei por que, mas tenho certeza que vou a-m-a-r esse livro, só não sei se leio... Só li um chick-lit até agora, e este era com uma protagonista reclamona, imagino que seja ótimo com uma bem divertida...

A estória é muito atraente, e com certeza diferente!

Beijos

Lendo de Tudo

Angela Graziela disse... [Responder comentário]

Esse livro é muito bom
Me acabei e rir com as trapalhadas dela
E achei o final muito fofo
Beijos

Angela Graziela - Pocket Libro
http://pocketlibro.blogspot.com

Mônica B. disse... [Responder comentário]

Tô lendo ele agora e adorando muito *-------*
Tb me apaixonei pela diagramação, quando eu o abri pela primeira vez fiquei olhando por um tempão auhauhau Pena que meus kits vieram zuados :( os livros sujos e amassados

danamartins disse... [Responder comentário]

Eu não sou do tipo que fala "oh, que resenha legal", mas gostei de ler o que você escreveu. Foi tão legal que eu não queria nem que acabasse. HUAH

Eu tinha ouvido falar do filme, mas aí comecei a ver pessoas lendo o livro (graças ao skoob...) e fiquei tipo "wtf?". Tava querendo mesmo saber sobre o que era. Acho que eu vou ficar só com o filme, mas às vezes dá vontade de ler algo assim.

G. S. Farias disse... [Responder comentário]

Olá! Esse parece outra leitura fácil e gostosa, pra relaxar. Em duas semanas temos férias, acho que é ideal pra ler nelas \o

Comprei essa semana pela internet os cinco volumes do Mochileiro das Galáxias, já leu? Estou meio insegura se vou gostar, mas arriscar é bom né?
Beijos

Ana Ferreira disse... [Responder comentário]

Lu,
Primeiramente, adorei a resenha. Passou todos os sentimentos que eu também tive ao ler esse chick-lit delicioso.
Delilah é uma protagonista super divertida e o seu jeito impulsivo, natural de agir a torna mais querida pelo leitor.
Eu mesma li em um dia, em uma madrugada inteira tentando saber onde chegaria a história dessa mocinha carismática.
E o Colin, AH, o Colin *___*
As listinhas, os recados no telefone, tudo com uma diagramação ideal! A Novo Conceito arrasou!

Beijinhos,
Ana - Na Parede do Quarto

Postar um comentário

Os comentários serão retribuidos em seu blog, desde que não sejam de carater apenas de divulgação. Comente o que realmente achou! Obrigada :)